Blog Projeto Passarela

Voltar

O que é o Marketing Pessoal?

Aprenda como cuidar da sua imagem

Por Cíntia Calizotti Marconatto

Quando se referem a você, como te descrevem? Já parou para pensar nisso?
Qual a primeira impressão que as pessoas tem quando você chega em um lugar? E o que elas falam quando você sai?

Uma imagem e marca pessoal, percebida e avaliada por tudo que você faz para se diferenciar e se promover, precisa ser verdadeira e duradoura. Ou seja: você deve definir seu conceito, seu estilo, sua marca e persistir nela, sem querer ficar mudando o percurso para não confundir ou gerar conflito de informação com o público.

Nossa marca pessoal é o reflexo do que somos e acreditamos. Ela se manifesta por meio do que fazemos e como fazemos.

Mas afinal o que é o Marketing Pessoal? O marketing pessoal é um conjunto de estratégias e planejamento para sua imagem ter maior valor. Ou seja, é um marketing para que as pessoas te vejam com uma imagem bastante positiva. O marketing tem como objetivo fortalecer uma marca, mas no caso do marketing pessoal isso se torna mais evidente – já que a marca a ser fortalecida é sua própria imagem.

COMO FAZER O MEU MARKETING PESSOAL?
Existem muitas variáveis que formam a sua imagem pessoal, levar todas estas variáveis em conta é a base para que você tenha sua autoridade aumentada e se torne uma referência.
Para iniciarmos, precisamos saber um pouco mais sobre você, e para isso vamos utilizar a análise FOFA (SWOT em inglês), que é uma ferramenta de estratégia de marketing para descobrirmos as suas FORÇAS, OPORTUNIDADES, FRAQUEZAS e AMEAÇAS. Caso você seja muito novo algumas respostas podem não estar definidas ainda, mas faça uma análise sincera.

Vamos iniciar pelo ambiente interno, ou seja, relacionado às suas habilidades e aspectos pessoais. Faça uma lista com suas FORÇAS e FRAQUEZAS, seus pontos fortes e fracos, suas habilidades mais marcantes e onde você precisa melhorar.
Agora vamos listar suas OPORTUNIDADES e AMEAÇAS, estes são referentes ao ambiente externo a você, não estão sob seu controle. O início de estudos em escolas de música e teatro de sua cidade pode ser uma oportunidade. A falta de dinheiro para pagar esses cursos e os seus concorrentes são exemplos de ameaça. Procure estar sempre atualizado com relação ao mundo artístico, buscando novos cursos e especializações sempre que achar necessário.

Agora que você fez sua análise FOFA e conhece um pouco mais sobre quem você é, fica mais fácil traçar uma estratégia de marketing pessoal e definirmos a melhor maneira de se apresentar para todos.

6 PONTOS IMPORTANTES PARA TER COMO REGRA EM SUA ESTRATÉGIA:

01 – IMAGEM PESSOAL
Sua imagem é o seu cartão de visitas, vista-se sempre para o sucesso, se vista como a pessoa que você deseja se tornar, monte seu visual como se você já tivesse alcançado o seu objetivo. Nunca perca sua autenticidade, seja lembrado por ser um profissional que sabe onde quer chegar e também sabe falar sobre si.

02 – COMPORTAMENTO

Não é somente a aparência que pode te prejudicar, alguns cuidados devem ser levados em consideração em relação ao comportamento: não chegar atrasado, não ser arrogante, não falar sem olhar nos olhos e não demonstrar muita ansiedade.
Nas redes sociais este comportamento conta bastante. Hoje, uma das primeiras formas de analisar um candidato é pelas redes sociais, por isso muito cuidado com o que vai compartilhar. A internet não é uma “terra sem lei”, já vimos muitos profissionais perderem sua credibilidade após postarem algo desagradável. Uma boa regra é, antes de dizer ou mostrar algo nas redes sociais, pense se você faria isso em uma sala lotada com muitas pessoas conhecidas e desconhecidas

03 – MATERIAL PROFISSIONAL/PORTIFÓLIO

Divulgue você da forma mais profissional possível, lembrando sempre de manter um padrão da sua imagem pessoal com os objetivos que você quer atingir. Use e abuse das redes sociais – sem desrespeitar as regras de comportamento. Procure se preocupar com o que você entrega as pessoas. Muitos atores e atrizes gastam fortunas em material de divulgação próprio que, na grande maioria das vezes, vão parar em gavetas e não desperta interesse de quem vê. Lembre-se: mostrar um material ruim é pior que não ter material nenhum.

04 – MOSTRE SEUS RESULTADOS

Saber o que as pessoas esperam de você é o ponto de partida para uma ótima estratégia de marketing pessoal. Valorize os seus pontos fortes e estude para melhorar os seus pontos fracos. As pessoas que estão te contratando ficarão espantadas com sua dedicação e profissionalismo.
Se você for chamado para um teste de elenco para um comercial de TV, por exemplo, procure saber sobre a marca que irá representar. Chegue preparado, pesquisando as cores da marca (já vá vestindo a cor da empresa), o tipo de perfil que buscam e aja de acordo. São detalhes que podem fazer a diferença, pois causam uma boa primeira impressão.

05 – QUEM NÃO É VISTO, NÃO É LEMBRADO

Não adianta nada ter um ótimo material profissional se ninguém fica sabendo disso! Apareça em lugares, vá a eventos relacionados a artes, converse com professores e conte seus sonhos, publique suas conquistas. Ficar se escondendo atrás do celular não vai te levar em lugar algum. Lembre-se: quem não é visto, não é lembrado.
No ramo das Artes Cênicas, você pode frequentar peças de teatro, premiações, cursos, workshops, exibições, exposições de arte… Enfim, quem te vê sempre nesses eventos entenderá o seu interesse na área e te respeitará por isso.

06 – TENHA UM OBJETIVO
De nada adianta trabalhar o seu marketing pessoal, se antes não tiver definido um objetivo de onde quer chegar. O MGT O Encontro te ajuda muito na definição deste objetivo, te apresentando muitas oportunidades e abrindo sua mente para novas oportunidades. Conheça mais sobre isso em [O Evento Artístico que Constrói Histórias de Sucesso]

Mas, não fique esperando, desde já corra atrás dos seus sonhos e nunca pare de estudar.
Se quer ser ator ou atriz, entenda sua linguagem. Às vezes você tem um perfil incrível para comédia e investe na interpretação dramática, por exemplo, desperdiçando um talento natural. Se você canta, invista nisso e tente se dedicar para áreas que necessitem desse talento.